Notícias Senar treina novos instrutores para atender produtor rural no campo
Print Friendly, PDF & Email

Luiz Figueiredo em abertura do curso de FPR.

Preparar novos instrutores na metodologia do Senar para  aplicar as suas vertentes – Assistência Técnica e Gerencial (ATeG), Promoção Social (PS)  e Formação Profissional Rural (FPR) – ao homem do campo, é o  objetivo do Treinamento  de FPR, que acontece regularmente em todas as regionais dos estados, por facilitadores do Senar Central.

Luiz Figueiredo, com Yolanda Gomes e facilitadora do Senar

No Maranhão, o curso ocorreu sob a coordenação da Gerência Técnica  do Senar e contou com a participação de 20 profissionais de áreas afins que receberam orientações sobre  o processo de ensino-aprendizagem, planejamento institucional do Senar e elaboração do Plano Instrucional da atividade de formação profissional, via método participativo.

O curso metodológico realizado ensina ainda os participantes a executar o plano de aula, tendo em vista a vivência de como devem ser aplicadas as técnicas no campo, mediante  plano elaborado da atividade, considerando a metologia do Senar.

Para a instrutora Hércia Stanpini Duarte, foi muito gratificante participar dessa turma porque houve, segundo ela, uma excelente composição e a turma foi instituída com pessoas vinculadas ao meio rural, algumas até já educadoras, forjadas em outros sistemas, e que agora querem vir para o Senar, trabalhar para a clientela do meio rural.

“Esse é o diferencial que encontrei na turma. Pessoas bastante empenhadas, dedicadas, com o intuito realmente de receber a metodologia para trabalhar na instituição que eu acho que esse é o diferencial da entidade: preparar os seus educadores para a realidade que ele vai encontrar no campo”, destacou a professora, satisfeita com resultado do trabalho aplicado junto aos futuros instrutores do Senar-ma, durante o treinamento de uma semana.

A artesã Antônia Rodrigues, destacou a metodologia e a organização do curso e da aplicação pela instrutora do Senar. “Enriqueceu  o meu currículo e os meus conhecimentos e concluí que a gente está sempre aprendendo alguma coisa nova”, constatou parabenizando o  Senar/MA por seu papel de qualidade, junto aos produtores rurais.