Agrobarra gera cerca de R$ 9,5 milhões em negócios

Segunda edição da feira agropecuária realizada em Barra do Corda mais que dobrou resultados positivos e tem a expectativa de se consolidar como um dos grandes eventos do agro no Centro Maranhense

Agrobarra capacitou mais de 300 produtores e trabalhadores rurais, profissionais e estudantes de ciências agrárias com palestras, cursos, oficinas e vitrines tecnológicas

Barra do Corda (MA) – A segunda edição da feira agropecuária de Barra do Corda, a Agrobarra, realizada pelo Sindicato dos Produtores Rurais do município (Sinprobarra) no período de 25 a 27 de abril, no Parque de Vaquejada 3 Corações, abriu o circuito 2024 de agro feiras com resultados que sinalizam que o evento deve se consolidar rapidamente como um dos principais do setor produtivo na região central maranhense.

O evento organizado por meio da parceria com o sistema Faema/Senar, Sebrae-MA e Prefeitura de Barra do Corda, teve o patrocínio do Banco do Nordeste e governo do estado do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Agricultura e Pecuária (Sagrima).

“As feiras agropecuárias são espaços importantes de capacitação, orientação e informação para os produtores rurais, estudantes e profissionais das ciências agrárias, mas também são fundamentais para apresentar a importância do agro na vida de todas as pessoas e a economia do município. É por isso que fazemos questão de investir nesses eventos e disponibilizar uma programação de conhecimento e de vitrines tecnológicas que despertem não apenas a curiosidade, mas principalmente o empreendedorismo rural”, explica o presidente da Faema, Raimundo Coelho.

Espaço do Produtor Rural – Durante o evento, o Sistema Faema/Senar uniu-se ao Sebrae-MA para oferecer o Espaço do Produtor Rural, um estande onde estavam disponíveis vitrines tecnológicas de hidroponia, apicultura, piscicultura, silagem, fruticultura de açaí e banana, oficinas de transformação da mandioca em farinha e de transformação da cana em cachaça. Além disso, o estande apresentou oportunidades de negócios na área da apicultura e treinou cerca de 30 pessoas em pilotagem de drones.

“Realizamos também os encontros de produtores rurais da agricultura e pecuária, apresentando os resultados positivos da nossa assistência técnica e gerencial nas quase 300 propriedades que atendemos em diversas cadeias produtivas e palestras de temas voltados a levar inovação, boas práticas e novas técnicas de manejo e pastejo”, destacou o superintendente do Senar no Maranhão, Luiz Figueiredo. A instituição patrocinou os eventos organizados pela Federação da Agricultura e Pecuária do Maranhão, com o apoio do Sinprobarra, e que tiveram um público de cerca de 250 pessoas nos dois dias de programação técnica.

Além dos encontros de produtores rurais, o evento atraiu um público de cerca de 2.400 pessoas, que percorreram os 15 estandes de expositores, e participaram também da programação cultural, que apresentou talentos locais e teve como ponto alto a escolha das vendedoras da primeira edição do concurso Garota Agrobarra, e o sorteio de uma motocicleta.

A presidente do Sinprobarra, Reysanne Abreu, comemorou os resultados de público e negócios gerados durante a feira e agradeceu o apoio de patrocinadores, parceiros e expositores

Negócios gerados – “Ficamos muito felizes não apenas por termos conseguido realizar um evento maior e mais estruturado, mas por ter oferecido um espaço promissor para a geração de negócios aos nossos parceiros e patrocinadores”, comemora a presidente do Sinprobarra, Reysanne Abreu.

De acordo com levantamento preliminar realizado pelo sindicato rural, durante o evento foram gerados negócios na ordem de mais de R$ 9,5 milhões em vendas de alimentos e bebidas, implementos, produtos e máquinas agrícolas, e contratações de crédito bancário.

Além disso, a programação do evento apresentou 25 palestras com temas voltados à agricultura e pecuária, promovidas pelo Senar, Sebrae, Sagrima, AGED, Iterma, Imperagro, Agromape, Banco do Nordeste, Soberana, CONAFER e a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA).

O presidente da Faema, Raimundo Coelho, vice-presidente da CNA, Mário Borba, e o produtor rural e vice-presidente do Sinprobarra, Mário Borba Filho, foram homenageados com títulos de cidadãos barra-cordenses concedidos pela Câmara Municipal em solenidade realizada durante o evento

Títulos de Cidadania – Outro destaque da programação do evento foi a Sessão Solene de Entrega de Títulos de Cidadão Barra-cordense aos produtores rurais Mário Borba (vice-presidente da CNA), Raimundo Coelho (presidente da Faema) e Mário Borba Filho (vice-presidente do Sinprobarra). Os títulos foram propostos, apresentados e entregues pelos vereadores João Pedro e Monique Sampaio, com a presença e participação do Prefeito de Barra do Corda, Rigo Teles, da deputada licenciada e Secretária de Estado da Mulher, Abigail Cunha, e a presidente do Sinprobarra, Reysanne Abreu, dentre outras autoridades locais como vereadores, secretários municipais, presidentes de sindicatos rurais e representantes de instituições do governo estadual e do agro maranhense.

“Sinto-me honrado em receber esse título no Maranhão, estado que escolhi investir, e que, especialmente nesse território, acredito muito no potencial para o nosso agro crescer e melhorar a vida das pessoas”, declarou o vice-presidente da CNA, Mário Borba, que também preside o sistema FAEPA/Senar-PB.