Menu fechado

Senar e parceiros lançam em Chapadinha nova turma da Rede -Tec

Print Friendly, PDF & Email

 

Em Balsas, a coordenadora  pedagógica do programa no estado, Thaysa Correia abre os trabalhos da Rede E-Tec.
Em Balsas, a coordenadora  pedagógica do programa no estado, Thaysa Correia abre os trabalhos da Rede E-Tec.

Três novas turmas da Rede E-Tec foram iniciadas nos polos de Balsas, Colinas e Chapadinha simultaneamente  com a participação de alunos, representantes do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural – Senar e dos Sindicatos dos Produtores Rurais dos respectivos municípios.

O presidente do Sindicato, José Luzia fala a produtores e alunos da Rede E-Tec sobre a atuação da Faema e do Senar.
O presidente do Sindicato, José Luzia fala a produtores e alunos da Rede E-Tec sobre a atuação da Faema e do Senar.

Em Balsas, localizada a  737 quilômetros da capital, acompanharam o início dos trabalhos, a coordenadora  pedagógica do programa no estado, Thaysa Correia e o presidente Jorge Vieira Salib juntamente com o presidente da Aprosoja no Maranhão, Isaías Soldateli.

Equipe do Senar e sindicato durante lançamento das turmas em Chapadinha
Equipe do Senar e sindicato durante lançamento das turmas em Chapadinha

Já em Colinas, esteve presente na cerimônia de abertura do curso, o presidente da Federação de Agricultura e Pecuária do Estado do Maranhão (Faema), Raimundo Coelho, o  gerente de Formação Profissional do Senar e presidente do Sindicato dos Produtores Rurais, Carlos Antônio Feitosa.

Em Chapadinha, o presidente do Sindicato, José Luzia fez a abertura da solenidade destacando o papel da Federação de Agricultura e Pecuária do Maranhão, (Faema) e do Senar como entidades responsáveis por apoiar as atividades rurais do estado. Falou da importância da Rede E-Tec  Brasil e do programa ABC Cerrado para produtores rurais, bem como da expansão e do fortalecimento dessas entidades no estado.

Conhecimento e visão

“Estamos trazendo estes cursos para que os produtores rurais melhorem em conhecimento e  visão e na consequente produção em nosso município. Com o esforço do Senar, Faema, Sindicato e Prefeitura, nós teremos uma maior produtividade e o incremento da renda dos participantes”, frisou José Luzia ao término do evento.

Instrutor do Senar com os futuros técnicos em agronegócio.
Instrutor do Senar com os futuros técnicos em agronegócio.

O curso técnico em Agronegócio objetiva formar profissionais habilitados na aplicação dos procedimentos de gestão e de comercialização do agronegócio, visando os diferentes segmentos e cadeias produtivas da agropecuária brasileira.

De acordo com a gerente de Promoção Social e Educação Formal do Senar, Yolanda Gomes, cada polo tem atualmente três turmas. A primeira delas foi iniciada em agosto de 2015 e  certificará em agosto de 2017. A segunda, porém, começou em março deste ano. Novos polos já estão programados para atenderem outros  maranhenses até o final deste ano.

“Em nome do Senar quero agradecer a parceria com o Sindicato dos Produtores Rurais de Chapadinha e prefeitura para que o programa aconteça. Dependemos desses parceiros,  ao mesmo tempo que  precisamos do  interesse de cada aluno  matriculado  que vêm de vários municípios da região”, destacou ela após o lançamento da terceira turma de Chapadinha.

O secretário  municipal de  Assistência Social,  Francisco de Lima Paiva disse ser uma honra ter o Senar como parceiro da prefeitura. Ele revelou que o trabalho de capacitação ocorre desde 2013, quando foi firmada parceria. Desde então, segundo ele, foram atendidas centenas de pessoas – seja por meio dos programas ABC Cerrado, Rede E-Tec ou ainda por meio de cursos ligados ao FPR (Formação Profissional Rural).

“Agradecemos o Senar de coração por esta parceria e através dela temos visto a mudança na vida de muita gente. O Senar nos propõe isso, a mudança com aprendizagem. E vê essa gente envolvida nos programas que ora acontecem mostra que o Senar ganha cada vez mais credibilidade”, ressaltou o secretário.