Menu fechado

Reunião entre Senar e Sagrima discute execução do programa Mais Produção

Print Friendly, PDF & Email

 

Governador Flávio Dino, com secretário da Sagrima, gestores do sistema Faema/Senar e equipe técnica. (foto: Handson Chagas)
Governador Flávio Dino, com secretário da Sagrima, gestores do sistema Faema/Senar e equipe técnica. (foto: Handson Chagas)

Técnicos do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar),  chefiados pelo superintendente Luiz Figueiredo, reuniram-se  na sede dessa entidade com a equipe  do Governo do Estado, (Sagrima),  com a finalidade de preparar supervisores e técnicos para  dar início ao atendimento às 1.550 propriedades rurais incluídas no programa “Mais Produção”.

Equipe reunida no Senar para discutir pormenores do programa.
Equipe reunida no Senar para discutir pormenores do programa.

O ponto alto da pauta foi a operacionalização das cadeias produtivas que atendem ao pacote tecnológico da Sagrima destinado à cadeia de hortifruticultura na regional e São Luís, parte da Baixada Oriental e Tocantina. Além disso, o grupo discutiu ainda, detalhamento para o fortalecimento das demais cadeias que integram a parceria Senar/Governo, como: carne e couro, arroz, leite e derivados e aquicultura.

A reunião se propôs ainda a montar o cronograma de trabalho com todas as atividades que serão executadas até o final do ano, onde constam as atividades de assistência técnica e gerencial (ATeG), a serem efetivadas pela equipe de técnicos de campo do Senar.

Energia solar

De acordo com Luiz Figueiredo, parte da primeira etapa já foi consignada  com  a presença do governador Flávio Dino em evento realizado esta semana, no município de Raposa, quando foi lançada a tecnologia da energia solar como fonte geradora de energia limpa e sustentável no processo de irrigação das áreas exploradas em hortifruticultura.

Para Luiz Figueiredo, era isso que faltava para  que fosse dado o start   nos trabalhos do programa “Mais Produção”, onde se espera criar dinâmicas que o estado precisa para as cinco cadeias produtivas que efetivamente serão desenvolvidas no Maranhão”, disse ele, destacando o empenho de todos os envolvidos no projeto.

Além do superintendente estadual do Senar, estavam presentes  à reunião técnica, o gerente de ATeG, Epitácio Rocha, supervisores e técnicos do Senar, a secretária executiva  do  Sistema Estadual de Produção e Abastecimento (Sepab),  Rosany Aranha e o  assessor técnico, Fernando Trinta.