Menu fechado

Produtores rurais do Baixo Parnaíba são certificados no Programa Negócio Certo Rural

Print Friendly, PDF & Email

15Capacitação é fruto de parceria entre o Senar e o Sebrae, buscando desenvolver pequenas propriedades como negócio e fonte de renda.

Cerca de 40 produtores rurais dos  municípios de Urbano Santos e Belágua, região do Baixo Parnaíba maranhense, receberam o certificado de participação do programa Negócio Certo Rural (NCR), desenvolvido através da parceria entre o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) e Sebrae.

Estiveram presentes à solenidade de certificação o vice prefeito do município, Miguel Mesquita; a analista do Sebrae em Chapadinha, Márcia Roberta; o superintendente do Senar, Antonio Luiz Figueiredo; o coordenador do NCR do Senar, Reginaldo Vieira; o presidente do sindicato dos produtores rurais Eleozar Carneiro e lideranças políticas e rurais.

O superintendente Luiz Figueiredo destacou as ações do Senar  nos dois municípios, com cursos e treinamentos específicos de Bovinocultura, Olericultura Básica, Avicultura Básica, Ovinocaprinocultura e Artesanato, ocorridos durante a realização do PNCR, capacitando mais de uma centena de pequenos produtores rurais neste ano.

O vice prefeito Miguel Mesquita agradeceu a forte parceria dos órgãos governamentais e destacou a importância dos cursos. “Através da parceria Senar, Sebrae e demais órgãos parceiros, melhoramos a cada dia o intercambio entre produtor rural e prefeitura municipal. Com essa capacitação estamos dando a oportunidade para que todos melhorem de vida”, avaliou Mesquita.

Para Márcia Roberta, o propósito maior das capacitações é que o produtor rural seja um empreendedor de sucesso. “Todos devem ficar cientes que é possível transformar a sua atividade em um empreendimento lucrativo”, disse a gestora de projetos do Sebrae.

10O aluno Mateus da Conceição Santos, que falou em nome da turma, aproveitou para agradecer a todos envolvidos na realização da capacitação. “O curso nos trouxe uma outra visão. Aprendemos de uma forma geral a valorizar nossos produtos no momento da comercialização e só temos a agradecer o Senar, a Prefeitura e o Sebrae que nos deu essa chance“, ressaltou Mateus, que ainda motivou os colegas. “A partir de hoje, que possamos colocar todo nosso aprendizado em prática”, refeletiu.

Em 2014, a parceria Senar/Sebrae disponibilizará 60 turmas do Negócio Certo Rural no Maranhão na região, com início previsto para o mês de fevereiro.