Menu fechado

Parceria Senar/Sebrae apresenta programas para capacitação de empreendedores rurais em Chapadinha

Print Friendly, PDF & Email

NCR 2Para apresentar os programas Negócio Certo Rural (PNCR) e Empreendedor Rural (PER), o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) e a unidade regional do Sebrae, com o apoio da Prefeitura Municipal, ministraram palestras de sensibilização, com vistas ao ingresso de participantes nessas atividades no município de Chapadinha, distante 245 quilômetros de São Luís.

O encontro contou com a presença do secretário municipal de Agricultura, Carlos Borromeu; do gerente regional do Sebrae, Diógenes Júnior; gestores de projetos, analistas e consultores do Sebrae; do superintendente do Senar, Antonio Luiz Figueiredo; do coordenador do PNCR e do PER pelo Senar, Reginaldo Vieira; e ainda o presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Chapadinha, José Luzia Ferreira.

De acordo com Luiz Figueiredo, a escolha da cidade para realização dos cursos deu-se por critérios técnicos, a partir da articulação promovida pelo Sebrae Maranhão. “Chapadinha foi eleita por suas particularidades, já que aqui se concentram o agronegócio, o sindicato dos produtores rurais e uma unidade do Sebrae”, ressaltou Figueiredo, que acrescentou ainda que o PNCR também é considerado um programa de inclusão social, envolvendo as pessoas da agricultura familiar e criando dinâmicas para que elas possam ser inseridas no agronegócio local.

O programa Negócio Certo Rural visa melhorar a gestão da pequena propriedade rural com ações de diagnóstico, plano de desenvolvimento e capacitação do produtor rural e de sua família, preparando-os para gerenciar a propriedade de forma lucrativa, competitiva e sustentável.

As aulas do Programa Negócio Certo rural acontecerão duas vezes no mês. Em Chapadinha serão duas turmas com um total de 60 alunos, com início previsto para os dias 26 e 27/9. O curso contabiliza 40 horas de treinamento e oito horas de consultorias, sem qualquer custo ao participante. Segundo a gestora do Sebrae Márcia Roberta os interessados podem se inscrever na Secretária Municipal de Agricultura, e na Unidade do Sebrae em Chapadinha portando os documentos de identidade e CPF.

Quanto ao Programa Empreendedor Rural (PER) o instrutor Marcelo Figueiredo deixa claro que  se trata de um programa mais completo e exigirá mais dos participantes. “Ele trabalha uma metodologia diferente, tendo como público alvo pessoas que tenham no mínimo ensino médio completo, que seja produtor rural e tenha áreas rurais pertencentes as suas famílias.”, informou.

O objetivo geral do Programa Empreendedor Rural (PER) é desenvolver competências empreendedoras e preparar líderes para ações sociais, políticas e econômicas sustentáveis no agronegócio. Podem também participar do Programa alunos e recém-formados nos cursos de Zootecnia, Veterinária e Agronomia.

A carga horária do Programa Empreendedor Rural (PER) é de 136 horas, com encontros quinzenais, indo até dezembro. Estão disponibilizadas 30 vagas.