Menu fechado

Kátia Abreu debate prioridades da agropecuária com presidente Dilma

Print Friendly, PDF & Email

A presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), senadora Kátia Abreu, foi recebida esta tarde pela presidente Dilma Rousseff em audiência no Palácio do Planalto, para debater questões prioritárias da agropecuária brasileira. Na conversa de uma hora e meia, foram abordados quatro assuntos, a começar pela importância de estender de 12 para 18 meses o próximo Plano Agrícola e Pecuário. A ideia da ampliação por mais seis meses é uma proposta da CNA para ajustar o período de financiamento da safra ao calendário de compra dos insumos e início do plantio.

Outra proposta levada à presidente da República é a que trata da expansão da área irrigada no País. O Brasil tem potencial de irrigação de 30 milhões de hectares e apenas cinco milhões de hectares efetivamente irrigados. Na avaliação da CNA, é possível dobrar a área irrigada ao longo dos próximos dez anos, sem desmatar áreas novas. Esta questão conduziu ao terceiro tema conversado, que foi a importância do estímulo à inovação tecnológica e à pesquisa pública e privada. Por fim, a senadora levou à presidente Dilma sua preocupação em melhorar a competitividade do leite brasileiro, que é de excelente qualidade.