Notícias FAEMA e produtores discutem políticas para o setor produtivo rural 

Os Sindicatos de Produtores Rurais filiados à Federação de Agricultura e Pecuária do Estado (FAEMA) participaram, essa semana, da I Reunião Ordinária do Conselho de Representantes deste ano.

Colaboração do presidente do Sindicato de Riachão, João de Deus Rego, lendo poema de sua autoria, na abertura da solenidade.

A reunião foi marcada pela presença do secretário estadual da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima), Márcio Honaiser, que ministrou palestra sobre a parceria com o sistema Faema/Senar para a efetivação do programa Mais Produção que atende atualmente 1.550 produtores rurais com Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) nas cadeias produtivas de carne e couro, arroz, aquicultura, hortifruti e leite.

“É uma satisfação estar aqui falando com vocês sobre a parceria que tem desenvolvido um leque de ações por meio do Senar, que com sua expertise, tem capacitado técnicos, e atendido produtores nas cinco cadeias que integram a parceria entre esta entidade e o Governo do Estado”, destacou.

Secretário da Sagrima, Márcio Honaiser ministrou palestra sobre parceria com o sistema Faema/Senar.

O ponto principal da reunião foi a discussão acerca da PL nº 6.787/2016 que propõe o fim do recolhimento compulsório da Contribuição Sindical de acordo com a Reforma Trabalhista proposta pelo Governo Federal. Outros pontos

em destaque que, se configuram como  de grande importância para a categoria, foram o lançamento  da Contribuição Sindical Rural, Pessoa Física/2017, a regularização dos Sindicatos – exigência do Ministério do Trabalho e, finalmente, a PEC nº 287, que diz respeito  ao Funrural (contribuição social que deve ser paga pelo produtor rural sobre o valor total de suas receitas).

Os pontos apresentados pela Diretoria da Federação suscitaram diversas manifestações pelos representantes sindicais, que participaram com perguntas, sugestões e contribuições as mais diversas possíveis, todas com o intuito de contribuir para o fortalecimento do Sistema.

Na sequência, foram apesentadas pelo Superintendente estadual do Senar,, Luiz Figueiredo, as ações no âmbito da Formação Profissional Rural (FPR) e Promoção Social (PS) em consonância com as entidades sindicais, bem como os projetos que envolvem a assistência Técnica e Gerencial (ATeG) – ABC Cerrado, Mais Produção e Abacaxicultura.

Assembleia ordinária comandada pelo presidente da FAEMA, Raimundo Coelho.

“Precisamos vender a ideia de que o Senar é integrante do sistema e o Sindicato é  que impulsiona o desenvolvimento do setor rural”, ressaltou o Superintendente.

Corroborando com o superintendente, Ronaldo Vieira, membro do Sindicato dos Produtores Rurais de Peritoró, disse que a discussão acerta das alterações na Contribuição Sindical não vai reduzir o potencial da entidade.

“Ao contrário, vai aumentar  até porque o produtor rural cada vez mais se conscientiza  que a entidade representativa é necessária para a sua subexistência e para a defesa dos  interesses coletivos”, frisou, destacando a forte parceria do Senar com todos os sindicatos afiliados ao sistema Faema/Senar.