Menu fechado

Canal do Produtor TV levará educação do SENAR para milhões de brasileiros

Print Friendly, PDF & Email

 Programação de seis horas, de segunda a sexta-feira, terá atrações variadas

Brasília – A mais nova ferramenta de comunicação da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR) – o Canal do Produtor TV – já está no ar com informações técnicas, análises e educação a distância. O lançamento do canal de televisão exclusivo do Sistema CNA/SENAR ocorreu nesta terça-feira (21/6), em Brasília.

A programação será variada, com informações e análises para impulsionar a produção, a renda e a qualidade de vida no campo, além de também funcionar como uma ferramenta de ensino a distância, com aulas, palestras e informações para aplicação no dia a dia nas propriedades rurais. Os programas serão exibidos de segunda a sexta-feira, das 6h ao meio dia. As atrações também poderão ser assistidas ao vivo pelo site www.canaldoprodutor.tv.br.

“A agilidade da comunicação fez com que o mundo se tornasse pequeno e nós não poderíamos ficar de fora dessa mudança. É papel da CNA e do SENAR levar educação a todo País para que tenhamos uma agropecuária cada vez mais eficiente e produtiva”, destacou o presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e do Conselho Deliberativo do SENAR, João Martins, durante a solenidade de lançamento do Canal do Produtor TV.

“É um sonho que estamos realizando. Já somos geradores de conteúdo para grupos pequenos e agora teremos que transformar isso para um público de, aproximadamente, três milhões de pessoas no Brasil, com seis horas de programação diária. O principal desafio será fazer a nossa rede funcionar para conseguir ter os estados como provedores de conteúdo”, ressaltou o secretário executivo do SENAR, Daniel Carrara.

 

A cerimônia também contou com a presença do ministro da Agricultura, Blairo Maggi, do ministro do Desenvolvimento Agrário, Osmar Terra, e do diretor do Canal Rural, Donário Almeida, além de autoridades, superintendentes regionais do SENAR e presidentes de Federações da Agricultura estaduais.

“A nossa agropecuária é exemplo para o mundo graças ao empenho e esforço dos nossos produtores, mas precisamos continuar crescendo, produzindo mais e abrindo novos mercados. Iniciativas como essa vão apoiar o nosso trabalho e ajudar a colher resultados. O Canal do Produtor será uma oferta de conhecimento de forma simples, direta e democrática”, elogiou o ministro da Agricultura.

Quem também prestigiou o momento histórico do Sistema CNA/SENAR foi o ex-ministro da Agricultura, Alysson Paulinelli. Para ele, mais do que levar informações sobre o setor, o novo canal vai estimular a adoção de tecnologias e contribuir para suprir a carência de assistência técnica no Brasil. “Esse canal soa como uma melodia aos meus ouvidos. Vem ao encontro da necessidade de informar de forma séria o que o produtor precisa para produzir com segurança. Vai ensinar como usar e também provocar a adoção de inovação para aqueles que ainda não estão usando as tecnologias adequadas”, complementa.

Divulgação ampliada

Os superintendentes regionais do SENAR que estiveram presentes na solenidade também salientaram a importância da nova ferramenta de comunicação para divulgar as ações e programas promovidos pela entidade. “O canal vai complementar o que já estamos fazendo e divulgar o nome do SENAR. A televisão aberta dificilmente chega no campo e a maioria dos produtores possui antena parabólica”, observa o superintendente no Rio Grande do Norte, Luiz Henrique Paiva.

Para o superintendente do SENAR no Maranhão, Luiz Figueiredo, o Canal do Produtor TV será uma “revolução” no setor primário. Ele acredita que o veículo será fundamental para aprimorar a comunicação com os produtores e fortalecerá, principalmente, a educação a distância. “Com a chegada da televisão, a nossa previsão é ampliar o número de polos da Rede e-Tec Brasil no SENAR de três para oito. Vamos ter um canal que é nosso, para divulgar as nossas coisas e ser mais transparente. Hoje, a casa pode ser de taipa e coberta de palha, mas tem uma parabólica”, brinca.

Na opinião do superintendente do SENAR Goiás, Eurípedes Bassamurfo da Costa, a criação do Canal do Produtor TV é um marco e uma maneira de dar visibilidade para o Sistema CNA/SENAR perante toda a sociedade. “O que nós fazemos chega nos produtores, trabalhadores e familiares, mas precisamos fazer com que alcance do campo à cidade para sermos reconhecidos. Sem falar que o SENAR é o braço da educação do Sistema.  A  nova ferramenta será um multiplicador disso e uma inovação”, prevê.

Sintonia

Para viabilizar o projeto Canal do Produtor TV, a CNA e o SENAR  firmaram uma parceria com o Canal Rural que inicia, agora, as transmissões do Canal Rural X, por satélite, com recepção do sinal por antena parabólica digital. É nesse espaço que o Sistema CNA/SENAR terá sua programação diária.

Para sintonizar o Canal Rural X e assistir à programação do Canal do Produtor TV, o receptor digital da antena parabólica deve ser apontado para o Satélite C2. A sintonia pode ser feita em busca automática, atualizando os canais do aparelho de TV para incluir e gravar na lista o Canal Rural X. Na opção de sintonização manual, o aparelho deve ser colocado na polarização vertical, utilizando a frequência 03652 e Symbol Rate 03000. O Canal do Produtor TV também poderá ser acessado na internet em www.canaldoprodutor.tv.br. O lançamento oficial do novo Canal ocorre, em solenidade, nesta terça (21/06) em Brasília.